X

Olá Nefalem!

Já faz um tempinho que rolou uma conversa muito legal, ao vivo pelas redes sociais, com os Dev’s de Diablo falando um pouco mais sobre o Necromante. E o post de hoje é pra trazer um resuminho do que mais podemos esperar do novo herói que brevemente chegará em Santuário. Pra esse post preferi não seguir necessariamente a ordem em que a conversa aconteceu, mas me preocupei em agrupar os assuntos, tentando deixar mais fácil a apreensão das ideias. Logo abaixo seguem os pontos que julguei mais interessantes de comentar sobre:

Quando poderemos brincar com o Necromante

Ele vai ser lançado em um pacote individual que ainda não tem data certa para acontecer, mas a intenção é que seja lançado simultaneamente em todas as plataformas (PC’s e consoles). Para poder brincar com ele será necessária a expansão Reaper of Souls

O novo Necromante traz muita bagagem do personagem que conhecemos em Diablo 2 e LoD, mas foi “repaginado”

Essa é uma notícia que para mim traz bastante alento em saber que mesmo sendo um novo personagem, conseguiremos ver nele muitas das habilidades que nos faziam escolher jogar com o Necromante. Já sabemos que teremos esqueletos, sim! Arqueiros e Magos vão garantir a nossa alegria deixando a telinha cheia e poluída como só um Necro é capaz de fazer! Mas também já sabemos que ele não terá habilidades de veneno, seus focos serão em ossos e sangue. E o mais lindo, ele também terá a habilidade de reviver os monstros (olhos marejados de emoção…)

O que mais encontraremos no Necro

Ele poderá invocar alguns tipos de bestas como Golems e pets. Alguns serão permanentes enquanto outros serão temporários. Sabemos sobre os golems que serão de 4 a 5 tipos, mas isso ainda estava em desenvolvimento e também sabemos que algumas dessas bestas devem possuir habilidades ativas, permitindo controlá-las (o que é uma das suas diferenças do Feiticeiro). Ele também terá um tipo de arma exclusiva, a foice, e como os demais personagens terá quatro conjuntos de armadura iniciais. Outra novidade é que as habilidades de sangue também servirão para recuperar a vida do herói.

Necros e Feiticeiros não são parentes

Sim, eu sei que muitos de nós têm insistido nessa semelhança, mas os Dev’s foram claros em afirmar que eles não se parecem. Os Necros serão mais focados na manipulação dos elementos ligados à vida mecânica dos corpos (ossos, sangue) além do fato de que são mais obscuros que os demais personagens.

Desafios a superar

A Tia Blizz ainda está buscando uma solução para a falta de corpos nas GRifts o que tornaria a vida de um Necro muito complicada ao enfrentar um Guardião de Fenda.

Também ainda estão trabalhando em como levar as Temporadas e o Armorial para os consoles.


Espero ter conseguido trazer algumas das informações relevantes da Q&A, mas se você quiser assistir como foi, segue abaixo o vídeo:

A gente se esbarra em Santuário, Nefalém!